Análise econômico-financeira

O ano de 2020 foi marcado pelo início da pandemia pelo COVID-19, que resultou na elevação da volatilidade e uma forte desvalorização dos ativos, em especial, os de Renda Fixa e Renda Variável. Aproveitando-se do momento de mercado, o Postalis realizou a alocação em renda variável no plano BD que contribuiu para o alcance da meta atuarial. Já no plano Postalprev, foi possível realizar uma alocação em títulos públicos a taxas equivalentes ao índice de referência que atenuaram os efeitos adversos observados pela desvalorização dos ativos de renda variável.

O Plano BD Saldado do Postalis apresentou rentabilidade líquida de 16,47% no ano de 2020, 160,2% da taxa atuarial do plano (10,28%). Tal resultado representa um aumento de R$ 161 milhões no total do ativo destinado à cobertura dos compromissos com os participantes e assistidos do plano de benefício, considerando o desembolso líquido (já descontadas as contribuições) de R$ 258 milhões para honrar o pagamento de benefícios ao longo de 2020.

Rentabilidade dos planos nos últimos 12 meses – BD
 

Entre os fatores que contribuíram para o retorno da carteira do plano BD Saldado, cabe destacar a carteira de Renda Variável. O plano BD realizou um aporte de R$ 200 milhões em 20 de março de 2021, quando a bolsa atingiu a mínima de 2020, em 66.954 pontos, sendo tal queda motivada pelo início das práticas de contenção do avanço do COVID-19 no território nacional. Até o final do ano, tal investimento apresentou um retorno de 76,84%, representando 10,36% da carteira do plano BD.

Além disso, o dólar apresentou crescimento de 28,14% no ano de 2020, o que beneficiou a exposição que o plano detém em ativos no exterior, representando 5,93% da carteira do plano ao final de 2020.

Em continuidade às estratégias adotadas em 2020, no ano de 2021 foi mantida a preferência por alocação em ativos com liquidez de curto e médio prazo, de modo a acompanhar à dinâmica do passivo de um plano maduro, que tem maior volume de pagamento de benefícios do que de recebimento de contribuições e considerando o ponto de inflexão projetado para 2023, conforme apontado no Relatório de Liquidez Médio e Longo Prazo PBD – Base Dezembro – 2018.

Com um cenário de juros em baixa, a rentabilidade dos novos investimentos em Renda Fixa tende a ser inferior à taxa atuarial do plano e se apresentarão como um grande desafio para os próximos anos. Dessa forma, entre as medidas em estudo pelo Postalis estão a elevação da exposição em outras classes de ativos, em especial em Renda Variável Doméstica, Fundos Multimercados e Renda Variável no Exterior.

 

O plano PostalPrev apresentou, em 2020, a rentabilidade de 6,65%, 63,40% do índice de referência do plano (10,49%). Enquanto no plano BD, a queda da bolsa trouxe um benefício à carteira, em virtude da exposição ativa em Renda Variável ter iniciado após os efeitos da expansão do COVID-19 sobre a bolsa brasileira, o plano PostalPrev já detinha cerca de 12,76% do seu patrimônio exposto a Renda Variável. Assim, a carteira de Renda Variável do Plano PostalPrev apresentou uma queda de 2,11% no ano de 2020.

Rentabilidade dos planos nos últimos 12 meses – POSTALPREV

 

A expectativa para o ano de 2021 é que se tenha início o ciclo de abertura da taxa básica de juros (Selic). Com isso, é de se esperar certa volatilidade, em especial, nas carteiras de Renda Fixa e Renda Variável, uma vez que o prêmio exigido pelo mercado para tais ativos tende a aumentar. Contudo, uma vez que o plano recebe, em média, R$ 24 milhões de contribuições a mais do que paga a título de benefícios e resgates, tal cenário se torna benéfico para o plano no longo prazo, possibilitando retornos maiores para as novas alocações.

Em paralelo, uma vez que o avanço do COVID-19 e o ritmo de vacinação no território nacional permanecem incertos e como principais direcionadores para a evolução da economia no ano de 2021, se faz importante a adoção de estratégias que visem mitigar o risco de alocação em ativos domésticos. Assim sendo, o plano deverá elevar sua exposição de Renda Variável no Exterior no ano de 2021.

Centro Empresarial Brasília Shopping
SCN, Quadra 05, Bloco A, Torre Sul – sala 401
Asa Norte – Brasília/DF
CEP 70.715-900
Telefone: 3003-3669 (sem DDD)

© 2021 Postalis. Todos os direitos reservados.